Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Partilhe esta Página



Total de visitas: 5315
Projecto Quénia
Projecto Quénia

Mulheres Maasai - Nabulu - Aloé Project 

Estamos a apoiar e a trabalhar com este projecto no Quénia!
Espalha esta semente!
Necessitamos de angariar fundos para o projecto, para que continue a ajudar estas mulheres e melhorar a sua qualidade de vida!
Podes ajudar ao participar em qualquer curso ou formação dada por Sílvia da Floresta, uma percentagem do dinheiro das formações irá directamente para o projecto,ou fazendo uma doação através do botão que encontras neste blog!
Começa hoje a ajudar!

 

 

 

Os Maasai são agricultores pastoris, o seu recurso básico de sobrevivência é o gado que tradicionalmente é tratado pelos homens, estes movimentam-se com o gado em busca de pastagens para os animais. Quando isto acontece eles deixam para trás, mulheres e crianças, que têm de tratar de providenciar as suas necessidades básicas por elas próprias. Isto implica que as mulheres tenham de encontrar meios para providenciar comida para a família, custos escolares, tratamentos médicos, entre outros.
Laikipia East é uma área semiárida onde a produção de carvão é a única maneira das mulheres subsistirem. Contudo mulheres observaram que o abate excessivo de árvores trouxe impacto ambiental bastante negativo assim como, falta de chuva e erosão do solo. Quase todos os anos elas enfrentam a fome durante a época pastorícia. Esta situação levou as mulheres em 2008 a criar uma fonte alternativa de rendimentos.
Foi assim que nasceu Nabulu Women Group e o projecto de plantação de aloé começou!
Nabulu ( na língua Maasai quer dizer “ para crescer”)
Este grupo de mulheres está localizado em Kimakandora Laikipia East Constituency in Kenya.
O grupo Nabulu é constituído por 20 mulheres Maasai, entre os 25 e os 39 anos. As mulheres encontram-se regularmente entre uma a duas vezes por semana para aprender ( ler, escrever, falar) Kiswahili, sendo também a altura em que trabalham no produtos feitos a partir do aloé, como: sabão. Cremes, loções corporais, gel de banho, shampoo.
De acordo com a sua cultura as mulheres não têm qualquer direito à educação ou conhecimento, as mulheres são consideradas inferiores e sem quaisquer direitos.
No grupo Nabulu as mulheres tem a oportunidade de receberem educação através do programa de educação para adultos onde recebem e partilham conhecimentos, o que faz com que cresçam em grupo e individualmente, ganhando forças para se poderem expressar sem medo.


Objectivo do grupo Nabulu é: Ajudar as mulheres Maasai a tornarem-se conscientes do seu potencial e poderem ser protagonistas das suas próprias vidas através do desenvolvimento a vários níveis: cultural, espiritual, social, económico.

Este projecto é apoiado pelo PRI Kenia : http://www.pri-kenya.org/blog/2013/the-nabula-aloe-project/

 

Faz uma doação para este projecto!

Envolve-te!

Sabe mais aqui; http://dasementearvore.blogspot.pt/2014/03/mssai.html

ou envia email para silvia.da.floresta@gmail.com